5 empresas com boas práticas de responsabilidade social

Outubro 29, 2018

Falar da origem do conceito de Responsabilidade Social Corporativa obriga-nos a recuar um século, mas a verdade é que este tema nunca foi tão badalado como agora.

Por estar tão em voga, venho mostrar-vos que é mais do que uma moda. Hoje trago uma seleção de 5 empresas que atuam em Portugal e que incluem nos seus objetivos a vontade de contribuir para um mundo socialmente e ambientalmente melhor!

 

O Grupo Jerónimo Martins é uma multinacional cuja principal actividade é a distribuição alimentar e que desenvolve a sua responsabilidade social corporativa em 5 eixos: Promover a saúde pela alimentação; Respeitar o ambiente; Comprar com responsabilidade; Apoiar as comunidades envolventes; Ser um empregador de referência.

Na impossibilidade de enumerar todos os projetos apoiados e desenvolvidos pelo Grupo, realço um projeto de cada país onde atua.

Em Portugal, uma parceria com o “Projeto Semear”, apoia jovens adultos com dificuldade intelectual e de desenvolvimento, através de projetos que lhes permitam ultrapassar barreiras à sua inclusão socioprofissional.

Na Polónia, numa parceria com o Instytut Matki i Dziecka (Instituto da Mãe e da Criança), vendem os produtos da marca Milk Start a preço de custo, visando o combate à subnutrição das crianças polacas mais desfavorecidas.

Na Colômbia, entre 2014 e 2016, apoiaram a iniciativa “Madres Comunitaria” oferecendo mais de 14.750 cabazes alimentares a amas que cuidam de crianças provenientes de famílias com poucos recursos financeiros.

Que bem nos sabe um café, não é? Mas falar da Delta é muito mais do que falar de café. Desde a sua fundação, a Delta desenvolveu o próprio modelo de gestão, Rosto Humano, que assenta no diálogo, no empreendedorismo responsável e na inovação disruptiva.

Com uma estratégia de responsabilidade social atenta às necessidades de todos os colaboradores, a Delta mantém a preocupação de desenvolver as comunidades onde está inserida (criou o Centro Educativo Alice Nabeiro), de reduzir a pegada ecológica e compensar a pegada carbónica, de promover o voluntariado empresarial (Associação Coração Delta-Cafés) ou de apostar na formação dos seus colaboradores e não só (criou a Escola Grão Mayor e o Centro Internacional de Pós-graduação Comendador Rui Nabeiro).

Destaco um projeto: o protocolo com o Estabelecimento Prisional de Lisboa para a implementação de uma oficina de reparação no estabelecimento, administrando formação e remunerando os reclusos pelo trabalho desenvolvido, com o objectivo de promover a reinserção no mercado de trabalho.

 

Com quase 100 anos de história, a Portugália, a Cervejaria Portuguesa, inova a cada dia, mas continua a apostar na qualidade da comida tradicional. A inauguração aconteceu num 10 de junho e foi notícia de jornal, esta casa tornou-se ponto de encontro para muitos portugueses.

Cientes de que têm vindo a marcar gerações, o Grupo Portugália encara o papel na sociedade com políticas de responsabilidade social internas e externas. Quando criaram esta área na empresa chamaram-lhe: Portugália Viva.

Internamente, procuram dar apoio aos colaboradores que se encontram em situações de vulnerabilidade social, económica ou familiar através do aconselhamento especializado em momentos de crise, de ajudas concretas e do apoio no início do ano escolar.

Externamente, colaboram com organizações nas comunidades onde estão inseridos, apoiando principalmente com a confeção de refeições e participando na reflexão estratégica para o desenvolvimento local.

 

Resiquímica é uma empresa portuguesa especializada em resinas e ligantes nas áreas de revestimentos, edificação e construção, que tem vindo a desenvolver um projeto de grande envolvimento com a comunidade e prova disso são os seus relatórios anuais de responsabilidade social.

Privilegiando a colaboração com entidades do concelho onde desenvolvem atividade, muitas são as iniciativas para as quais contribuem em géneros, materiais e financeiramente.

Para além dessas, focam ainda as práticas sociais nos colaboradores, no ambiente, no mercado e nos fornecedores, atuam nas vertentes educacional, ambiental e social e promovem o voluntariado entre os seus colaboradores, disponibilizando-lhes horas do horário laboral para ações de voluntariado, privilegiando as iniciativas corporativas.

 

O Grupo Aquinos, fundado há mais de 30 anos, representa atualmente uma das maiores e mais modernas fábricas de sofás e colchões da Europa.

Perante os incêndios que assolaram a zona centro no ano passado, o Grupo Aquinos rapidamente reagiu com a entrega de géneros alimentares e colchões aos bombeiros que combatiam as chamas, abriram as portas da sua cantina para todos os afetados e equiparam os pavilhões que acolheram os desalojados com colchões também.

Foi assim que criaram a Aquinos We Care, um projeto no âmbito da cidadania e da responsabilidade social que se desdobra em iniciativas. Alguns exemplos passam pela entrega dos cabazes Baby Aquinos, pela atribuição de uma viatura de combate a incêndios aos Bombeiros Voluntários de Tábua, pela criação de um Grupo de Intervenção Permanente no Parque Industrial Aquinos em Sinde ou pela doação de sofás e colchões às famílias que perderam a casa nos incêndios.

 

 

Cá na Forall Phones, temos a Forall Social como um dos pilares de toda a empresa e queremos afirmar-nos como uma marca socialmente responsável desde o princípio. Descobre no nosso site o que temos feito e junta-te a nós nesta missão de tornar o mundo num lugar melhor!

Think social, change the rules!

Rafaela de Melo

NOTA: Não há qualquer tipo de classificação ou preferência nas 5 empresas escolhidas para este artigo, são apenas exemplo de diferentes dimensões e áreas de atuação. Agradeço a colaboração da Ana Lia Piatok de Mattos e da Joana Lobo, especialistas em RSC.

Sobre Mim

Olá! Chamo-me Rafaela, tenho 22 anos, sou licenciada em Serviço Social e estou a fazer um mestrado em Economia Social.

O que mais gosto é de comunicar e aprender, o que me leva a envolver-me em projetos das mais diversas áreas: por isso estou na Forall Phones!

Sou community shaper desde maio de 2018 e em junho integrei a Blog Team, ficando responsável pela temática Forall Social.

Let’s Get Connected: Linkedin Facebook | Instagram 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *